O histórico show do Rolling Stones em Copacabana

Era fevereiro de 2006 e o Brasil não poderia estar mais pronto para um show como esse. Cada vez mais na mira dos artistas internacionais, os shows na praia, especialmente a de Copacabana, estavam em alta e a preparação feita para este evento foi de primeiro escalão. Uma passarela ligava o palco ao hotel Copacabana Palace, onde a banda estava hospedada, para facilitar a sua passagem. Milhares de policiais e seguranças se infiltravam no meio da multidão para assegurar que tudo saísse bem. E deu certo. A não ser por pequenos incidentes, como alguns roubos, o show que reuniu cerca de um milhão e meio de pessoas aconteceu em clima de paz e foi um sucesso total. Até hoje, o show é considerado um dos maiores da história da música.

shine a light 3 310308

Felizmente, eu tive a oportunidade de ir ao show com meus amigos. Na época, eu tinha somente 15 anos, mas mesmo assim já sabia que estava prestes a presenciar um evento histórico e que seria uma lástima desperdiçar uma oportunidade assim.
Tinha razão. A loucura de estar em um mesmo ambiente com outras um milhão e meio de pessoas é algo realmente insano. Mas a emoção das pessoas presentes e a excitação dos fãs era algo maior e contagiante. Nas semanas anteriores ao show, já havia uma legião de fãs acampados aos redores do palco, prontos para o grande momento. Mas o rock mesmo só começou a pulsar com o show de abertura da banda Titãs, que levantou o público com um show animado, e conseguiu aquecer para o que estava por vir.

stones-em-copacabana

O Rolling Stones chegou ao palco em um misto ensurdecedor de aplausos e gritos. A música “Jumpin’ Jack Flash” de 1972 deu início ao show de 21 músicas, que mais tarde se tornaria parte de um DVD sobre a trajetória da banda. A setlist do show foi composta justamente como um resumo de toda a sua carreira. “You Got Me Rocking”, “Midnight Rambler” e “Happy”, que foi cantada por Keith Richard, vieram logo depois. Mas o final mesmo ficou com as conhecidíssimas “Sympathy for The Devil”, “Start Me Up” e “Satisfaction”. Foram quase duas horas de show, na época, tudo transmitido ao vivo pela Rede Globo. A apresentação contou com diversas tentativas de palavras em português, algo que Mick Jagger não é tão desacostumado já que ele tem um filho com a apresentadora brasileira Luciana Gimenez, uma homenagem ao Brasil na camisa do vocalista e, claro, muitos “Jagger’ moves”. Com certeza, um momento inesquecível para a grande maioria dos fãs.

No aniversário de 50 anos da banda, Jagger e seus companheiros disponibilizaram o show completo no Youtube para a felicidade de todos que não tiveram a oportunidade de assistir o show na época. O material faz parte do DVD Rolling Stones – The Biggest Bang (2007) que integra cenas dos bastidores do show e a apresentação.

Confira aqui a famosa apresentação!

*Texto com informações do site do Terra, Folha de São Paulo e Veja Rio.